(19) 2106.0266  |  vendas@pirai.com.br  |  Localize Revendas

Central do Adubador

Semente (Feijão) Guandu-forrageiro

  • ​​

 

*1) As informações contidas neste folheto foram resumidas da literatura disponível para a prática da Adubação Verde, e não para uso Forrageiro ou Produção de Sementes e Grãos.
*2) A recomendação de densidade de sementes pode variar de safra para safra, de acordo com o peso das sementes. As recomendações de profundidade de plantio, espaçamento, sementes por metro linear no plantio em linha e sementes por metro quadrado no plantio a lanço e o PMS (peso de 1000 sementes) estão disponíveis no site www.pirai.com.br em produtos.
*3) O plantio de segunda safra, normalmente em sucessão as culturas produtoras de grãos, nas regiões Centro-oeste, Sudeste e Nordeste.
*4) A época possível de semeadura tem restrições conforme a região, e podem não produzir os valores expressos no item 5.
*5) As informações e valores podem variar com a idade da planta, tipo do solo, fertilidade, clima, época e densidade de semeadura.
*6) Os valores expressos em Nitrogênio (N) são relativos a fixação biológica + reciclado para leguminosas e reciclado para demais famílias.
*7) Padrões mínimos de qualidade para semente categoria S-2 exigidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Vigente em maio de 2015.
*8) As leguminosas forrageiras são utilizadas como plantas de cobertura, de acordo com as recomendações acima, e alimentação animal no consórcio com gramíneas forrageiras.
IMPORTANTE: As informações são gerais e não dispensam a necessidade de orientação e acompanhamento de um profissional habilitado. Mais informações no site: www.pirai.com.br
OBSERVAÇÃO GERAL: Para qualquer espécie, época de plantio e região é importante atender as condições de umidade no solo para germinação das sementes e desenvolvimento das plantas.

Espécie: (Feijão) Guandu-forrageiro

É uma leguminosa de primavera-verão de porte alto e ciclo semi-perene.

Tem como forte característica o sistema radicular agressivo e robusto, que cresce em profundidade, reciclando nutrientes e descompactando solos adensados, fazendo uma subsolagem “biológica”.

É rústica e se desenvolve bem em solos de baixa fertilidade, por isso é utilizada na recuperação de solos degradados.

Utilizada como cerca viva ou quebra vento em culturas perenes e no plantio de mudas no campo.

Excelente forrageira para alimentação de animais, inclusive fornecendo forragem rica no período mais seco do ano.

Uma grande produtora de biomassa e fixadora de nitrogênio.

 

Problemas com Pragas ou Dúvidas? Fale com um consultor!

...

 

...

Quer acessar o conteúdo completo?

Cadastre-se na Central do Adubador e você terá acesso a:

  • Conteúdo exclusivo do portal da Adubação Verde;
  • Informações e recomendações sobre a técnica da Adubação Verde;
  • Acesso às tabelas técnicas;
  • Vídeos e palestras;
  • Falar com consultores e muito mais!

Cadastre-se Agora!